MISSIVA À ESMO LAR CORAÇÃO

Amar quem nos ame, ninguém é obrigado a Amar ninguém,...

Quando deixei de ser Saudade

Eram 2:30 da manhã, de uma quinta qualquer, poderia ser...

E se vendessem cápsulas de felicidade?

E se vendessem cápsulas de felicidade? Não falo de...

Reflexão: Consumir e ser consumido o homem produto de si

Somos produto de uma sociedade doente por consumo, onde...
MISSIVA À ESMO LAR CORAÇÃO

MISSIVA À ESMO LAR CORAÇÃO

Amar quem nos ame, ninguém é obrigado a Amar ninguém, porém o eco do afeto ressoará eternidade na sintonia dos dias corações, amar é um desprender-se suave, pois o amor sobrevive a distância, a ânsia e acolhe quando casa, ser casa, é mais que o verbo casar, é...

Quando deixei de ser Saudade

Quando deixei de ser Saudade

Eram 2:30 da manhã, de uma quinta qualquer, poderia ser hoje, ou amanhã, ou quando der, como sempre o silêncio me fala absurdos que gosto de ouvir a noite, hora me comovem, hora me movem a ser rio para de manhã ser pedra... Somos feitos de carne mas temos que viver...

E se vendessem cápsulas de felicidade?

E se vendessem cápsulas de felicidade?

E se vendessem cápsulas de felicidade? Não falo de Rivotril ou Ritalina, nem uma outra droga no mercado, falo de cápsulas de satisfação, que satisfaça a tristeza e o tesão. Seria um sucesso! Mas perguntar me carece o que sou eu sem minha dor? Se a falta que me leva ao...

Reflexão: Consumir e ser consumido o homem produto de si

Reflexão: Consumir e ser consumido o homem produto de si

Somos produto de uma sociedade doente por consumo, onde aprendemos desde de cedo que é normal. Sabemos que o homem é falta, e essa insatisfação constante que nos faz caminhar, descobrir novos olhares, novos possíveis, porém em meio ao caos moderno onde ir ao mercado...

Transbordamentos: Ser feliz necessita Coragem

Transbordamentos: Ser feliz necessita Coragem

Ser feliz necessita coragem... Virar do avesso, tentar caminhos! É preciso certa dose de loucura para se curar da felicidade que esperam de nós. A felicidade encaixotada. O medo de dar errado é a derrota com outro nome. Posso ir para o sul, para o norte. Sigo o...

Notas sobre o Tempo: Desacelerar para saber onde chegar

Notas sobre o Tempo: Desacelerar para saber onde chegar

É incrível como nos surpreendemos em como o tempo parece passar mais rápido no decorrer dos anos, na verdade, o tempo não está a passar mais rápido, nós que andamos ausentes demais à vida. Somos programados desde de muito cedo para produzir, sermos produtivos na...

BORBOLETA

BORBOLETA (Resposta a Vinicius)   “Brancas Azuis Amarelas E pretas Brincam Na luz As belas Borboletas”   (Vinícius de Moraes - As...

MICROCONTO AMARELO

MICROCONTO AMARELO   Dizia minha avó: "Amarelo é desespero!" Eu discordo por inteiro, na liberdade das cores, quero um amarelo em Sol...

PELA ESTRADA AFORA

PELA ESTRADA AFORA     Quão forte e débil a menina pela estrada afora, sozinha a enfrentar um duelo de si mesma, todos os dias, a mesma...

O BREJO

O BREJO   O Brejo brejeiro Nos fundos da casa, Não é Rio de Janeiro, Muito menos Mar Del Plata,   Sequer tem sobrenome O brejo dos sapos,...

LUTA

LUTA   E lutou tanto que um dia a dor venceu E a luta virou luto na alma que adoeceu   Anderson Delano Ribeiro

Reflexão: Consumir e ser consumido o homem produto de si

Somos produto de uma sociedade doente por consumo, onde aprendemos desde de cedo que é normal. Sabemos que o homem é falta, e essa...

SONETO ÍNTIMO

SONETO ÍNTIMO   Eu decorei o teu corpo em meu desejo, Em tanta sintonia te prevejo, Cada pétala aos ombros guardo um beijo, E o teu laço...

SE ELA SOUBESSE

SE ELA SOUBESSE   Se ela soubesse, das cores corais que guardei pra ela, dos corais sonoros que bradam em meu peito, quando ela esta,...